O brasileiro André Sá está a um passo de disputar mais uma final no circuito da ATP. Atuando ao lado do australiano Chris Guccione, ele chegou às semifinais do Torneio de Valência nesta quinta-feira, ao derrotar os favoritos Lukasz Kubot, da Polônia, e Leander Paes, da Índia, por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (8/6) e 6/4.

Mesmo diante dos cabeças de chave número 2 da competição, Sá e Guccione souberam se impor, muito em função do saque, já que foram quebrados somente uma vez. Por outro lado, o brasileiro e o australiano chegaram a ter 10 chances de quebra, mas precisaram confirmar somente duas.

Sá e Guccione já sabem quem serão seus adversários nas semifinais na Espanha. Eles terão pela frente os norte-americanos Eric Butorac e Scott Lipsky, que passaram nas quartas pelo alemão Andre Begemann e o australiano Artem Sitak por 2 sets a 0, com duplo 6/4.

SIMPLES – Na chave de simples, o destaque do dia ficou por conta do norte-americano Steve Johnson, número 33 do ranking da ATP, que superou o favoritismo do espanhol Feliciano López, segundo cabeça de chave, e venceu por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 7/6 (7/3), avançando às quartas de final.

Algoz de Thomaz Bellucci na estreia, o alemão Mischa Zverev também surpreendeu ao eliminar o italiano Fabio Fognini, quarto favorito, em dois sets: 6/2 e 7/6 (7/3). Ele enfrentará agora o espanhol Roberto Bautista Agut, que eliminou o russo Andrey Rublev por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/3.

Outro cabeça de chave que caiu foi o francês Benoit Paire, quinto favorito, que perdeu em três sets para o português João Sousa: 6/3, 2/6 e 6/3. O 46.º do ranking da ATP enfrentará agora o alemão Daniel Brands, que eliminou o espanhol Albert Montañes.