Endio Maike Alves da Silva, o “Zu”, 20 anos, foi assassinado, na madrugada de ontem (26), na Rua Duque de Caxias, Jardim Água Boa, área rural de Campo Magro. Segundo a polícia, Endio é filho de José Maria Alves da Silva, 49, o “Zé Barbudo”, preso há pouco mais de duas semanas por tráfico de drogas.

De acordo com informações da Polícia Militar, dois encapuzados invadiram a casa de Endio, por volta das 2h45, e atiraram várias vezes. Ele foi ferido no peito e na perna e morreu na ambulância do Siate, a caminho do Hospital Evangélico.

O crime será investigado pela delegacia de Colombo, que responde por Campo Magro. Segundo a polícia, Endio era investigado por furtos e envolvimento no tráfico de drogas e teria sido morto em virtude de um acerto de contas.

Passagem

Endio seguiu os passos do pai e, em 2010, foi preso ao lado de um comparsa, depois de fazer a limpa numa residência. Com a dupla, a polícia recuperou vários objetos como aparelhos de TV, de som, e até travesseiros, cobertores, botijão de gás e um ferro para passar roupa. O pai dele foi preso em 10 de setembro quando vendia crack para uma mulher. Com ele, foram apreendidas 11 pedras de crack e produtos de um furto ocorrido na região do Jardim Água Boa.