Jovem estava sem identificação. O assassinato aconteceu em casarão abandonado.
(Fotos: Walter Alves)

Crime macabro foi registrado na manhã de ontem, próximo ao Largo da Ordem, no bairro São Francisco. Um jovem de aproximadamente 25 anos foi encontrado enforcado, com o corpo parcialmente queimado, no interior de uma casa abandonada, na Rua Ébano Pereira. A vítima também apresentava marcas de agressão na cabeça. Próximo ao corpo, cachimbos para fumar crack, roupas abandonadas e muito lixo indicavam que a residência funciona como um ?mocó? e o assassinato pode estar ligado às drogas.

O guarda municipal Juliano Rocha contou que por volta das 8h45 uma pessoa foi até o módulo da GM, no Largo da Ordem, para avisar que havia alguém morto dentro da casa. ?Constatamos que a vítima foi enforcada com cadarço de tênis, no trinco de uma porta, no piso superior da residência?, relatou Juliano. Segundo o guarda, a casa teria vários proprietários, mas está abandonada. ?Moradores de rua aproveitam para dormir e usar drogas lá dentro?, informou.

Os investigadores Pimentel e Castro, da Delegacia de Homicídios, acreditam que o consumo de drogas na residência pode ter originado o homicídio. ?O local é ?mocó? de usuários e prostitutas. Provavelmente houve um desentendimento e resultou nisso?, disse Pimentel.

O perito Silvestre, do Instituto de Criminalística, informou que, após ser agredido na cabeça, o jovem foi enforcado e depois teve os membros inferiores e parte das costas queimados.

?O crime provavelmente aconteceu no início da noite de quarta-feira?, analisou o perito. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal, onde permanece sem identificação. O jovem era magro, tinha cabelo curto e pele clara.