Dois homens foram presos e sete conduzidos à Delegacia de Furtos e Roubos de Cargas (DFRC-PR), em Curitiba, depois de uma verdadeira caçada realizada pela Polícia Civil. A ação, que teve início no último domingo (10), teve fim na manhã deste sábado (16), com a recuperação de bens avaliada em torno de R$1,5 milhão.

Leia mais: Polícia prende quadrilha e recupera carga de R$ 450 mil em fraldas roubadas na RMC

Ferramentas e equipamentos apreendidos pela polícia. Foto: Colaboração/Polícia Civil
Ferramentas e equipamentos apreendidos pela polícia. Foto: Colaboração/Polícia Civil

Tudo começou no município de Piçarras, no litoral de Santa Catarina, onde o motorista de um caminhão carregado com carnes vindas do Uruguai foi rendido às margens da rodovia BR-101 por quatro assaltantes que o fizeram rodar por vários quilômetros e o abandonaram em Itajaí, também em Santa Catarina, numa região de mata.

Enquanto o grupo fugia rumo a região Norte do Paraná, equipes da DFRC-PR foram acionadas pela corporação de Santa Catarina que solicitou apoio nas buscas pelos bandidos que, depois de três dias foram localizados num barracão, em Maringá, já com a carreta adulterada e sem a respectiva carga.

No local também foram apreendidos os aparelhos bloqueadores de sinal rastreador. Tanto o proprietário do barracão quanto os locatários do imóvel foram levados à Delegacia de Sarandi, onde prestaram esclarecimentos.

Receptação

Parte da carga recuperada. Foto: Colaboração/Polícia Civil
Parte da carga recuperada. Foto: Colaboração/Polícia Civil

A ação continuou quando, por meio da empresa responsável pelo rastreamento do veículo, a polícia conseguiu identificar passagens pelo município de Ponta Grossa, onde o receptador da carga foi identificado: um frigorífico na região do bairro Boa Vista, cujo proprietário foi preso em flagrante na madrugada de sexta-feira (15). No local foram encontradas cerca de 15 toneladas da carga roubada.

Leia também: Suspeito de integrar bando que atirou e atropelou PM morre em confronto com a polícia

Na manhã seguinte, mais uma parte da carga foi localizada em um caminhão que se encontrava dentro de uma oficina em Ponta Grossa. O veículo já havia abastecido comércios nos municípios de Ponta Grossa, Carambeí, Sao José dos Pinhais e Fazenda Rio Grande.

Todos os envolvidos foram presos em flagrante e encaminhados à Delegacia o de Furtos e Roubos de Cargas de Curitiba, onde responderão por receptação qualificada.

https://www.tribunapr.com.br/noticias/seguranca/bandidos-trocam-tiros-com-a-policia-e-causam-acidente-em-curitiba/