Com cinco facadas no peito, um homem aparentando pouco menos de 40 anos foi morto na madrugada deste sábado (29) no município de Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba. O crime foi debaixo da ponte da Rua Rio Negro, no Bairro Weissópolis, à beira do rio Atuba, que divide os municípios de Curitiba (bairro Cajuru) e Pinhais.

+ Fique esperto! Perdeu as últimas notícias sobre segurança, esportes, celebridades e o resumo das novelas? Clique agora e se atualize com a Tribuna do Paraná!

A Polícia Militar recebeu um chamado de manhã cedo, dando conta do corpo debaixo da ponte. Mas acredita-se que o crime tenha ocorrido durante a madrugada. Conforme constatou o perito criminal Elmir Oliver, debaixo da ponte vivem cerca de 20 pessoas e o local parece um “condomínio”, com vários cômodos distintos, como quartos, cozinha, entre outros ambientes.

Várias pessoas moram no local. Foto: Átila Alberti / Tribuna do Paraná
Várias pessoas moram no local, onde as brigas são frequentes. Foto: Átila Alberti / Tribuna do Paraná

Um homem, que também mora debaixo da ponte, do outro lado do rio, e pediu para não ter o nome divulgado, contou que os “vizinhos” costumam brigar todas as noites. Bebem, usam drogas e não é de se admirar que uma destas brigas tenha terminado com morte. Os moradores do “condomínio” sumiram do local pela manhã.

+ Leia ainda: Impressionante! Motociclista é arremessado após ser atingido por carro em alta velocidade

O homem morto não tinha identificação oficial. Era conhecido apenas pelos apelidos de “Negão” e ” Ricardo Paulista”. Era um homem de estatura mediana, cabelo bem curto e pele parda. Vestia calça jeans e blusa preta de manhã comprida. Seu corpo foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal de Curitiba (IML).

Explosão em apartamento deixa quatro feridos e assusta moradores de bairro de Curitiba