Em menos de uma hora, um homem de 48 anos foi pego duas vezes pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) dirigindo embriagado, na mesma rodovia, na tarde deste sábado (12), Dia das Crianças. O caso foi em Ponta Grossa, nos Campo Gerais, município distante 115 quilômetros de Curitiba. Da segunda vez, ele já estava alcoolizado o dobro da primeira e acabou preso.

+ Leia mais: Resultados da Mega Sena, Dupla, Dia de Sorte, Quina e Timemania não saíram no sábado; entenda!

O primeiro flagrante ocorreu pouco antes das 16h no quilômetro 184 da BR-373 (Avenida Souza Naves). Ele sequer se preocupou que estava passando em frente a uma unidade da Polícia Rodoviária e, na fiscalização de rotina, foi abordado. Ele dirigia uma Strada Working e os policiais logo o submeteram ao teste de etilômetro (bafômetro), que apontou 0,25 miligramas por litro de ar expelido. Como ele ainda estava abaixo dos 0,30 mg/L previstos na legislação, ele apenas foi notificado e o carro entregue a um parente dele, condutor habilitado e que comprovou pelo bafômetro que não tinha ingerido bebida alcoólica.

O homem foi informado de que não poderia mais conduzir nenhum veículo em estado de embriaguez. A condutora também foi cientificada de que, a partir daquele momento, era a responsável pelo veículo.

De novo!

Não tinha passado nem uma hora ainda da primeira ocorrência, quando agentes da PRF visualizaram o mesmo homem, dirigindo o mesmo veículo, porém no quilômetro 173 da rodovia. O teste de bafômetro foi repetido e, desta vez, estava o dobro da primeira: 0,50 mg/L, ou seja, o homem além de não ter parado de dirigir, continuou bebendo.

+ Leia ainda: Fique esperto! Garantia na compra de carro usado vai além de motor e caixa

Como o índice apontado pelo exame já é considerado crime de trânsito, ele foi detido e encaminhado à delegacia local.

Pai atira em filho após briga sobre as ‘más companhias’ do rapaz