O Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran) realizou, na quinta-feira (13), uma operação de fiscalização em veículos do transporte coletivo de Curitiba. Foram abordados 93 motoristas. Os policiais fizeram testes com bafômetros e conferiram a documentação, entre outros itens, para garantir a segurança dos usuários do sistema.

A ação, promovida pela Companhia de Trânsito (Cotamotran) da unidade, se deve aos acidentes ocorridos recentemente, envolvendo ônibus bi-articulados, ligeirinhos e outros veículos. “Foram abordados 93 ônibus, e realizados testes com etilômetro (bafômetro) em condutores nos terminais urbanos, não sendo constatada nenhuma irregularidade com os veículos”, afirma o comandante do BPTran, tenente-coronel Loemir Mattos de Souza.

A vistoria foi realizada na noite de quinta-feira (14), em locais de alta circulação de ônibus, como os terminais do Boqueirão, Santa Cândida, Pinheirinho e Campina do Siqueira. “Foram lavrados três autos de infração contra motoristas dos coletivos por avanços do semáforo”, disse Mattos.

Particulares

A fiscalização incluiu motoristas de veículos particulares. Foram flagrados 21 deles fazendo uso de telefones celulares enquanto dirigiam. Cinco notificações foram lavradas devido a infrações gravíssimas, oito por infrações graves, e 21 por leves, num total de 34. No ano passado, o BPTran registrou 529 acidentes com vítimas, em que ônibus estavam envolvidos, 108 atropelamentos e 421 de outros tipos, além de 212 sem vítimas, totalizando 741. “Abril foi o mês que mais registrou acidentes e janeiro o que menos registrou”, disse o comandante. Os atropelamentos somaram 14,57%, outros acidentes 56,82% e os que não tiveram vítimas foram 28,61%.

A operação ocorreu entre 15h e 18h em pontos bases e, a partir das 18h até as 21h, em terminais de ônibus. “O motorista de coletivos, assim como os demais cidadãos, que possuem Carteira Nacional de Habilitação (CNH), está sujeito a abordagens e fiscalização que garantem a segurança tanto dele quanto dos usuários”, afirma o tenente-coronel Mattos.