IAP reassume Parque Estadual de Vila Velha

A partir de amanhã, a parte operacional do Parque Estadual de Vila Velha, localizado no município de Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais, volta a ficar sob a responsabilidade do Instituto Ambiental do Paraná (IAP). Desde 2003, atividades como implantação de plano de manejo, conservação, recepção e orientação de turistas estavam a cargo da Eco Paraná.

Para que a empresa pudesse se encarregar das funções, foi fechado um contrato de prestação de serviço pelo período de dois anos. O mesmo foi estabelecido logo depois que Vila Velha foi reaberta para visitação, após ficar fechada de 2001 a 2003 devido a obras de revitalização.

?O contrato vence justamente amanhã. Por enquanto, não iremos renová-lo devido a algumas questões de ordem administrativa que devem ser solucionadas?, afirma o engenheiro agrônomo do IAP, Luiz Augusto Diedrichs, que atua no setor de unidades de conservação dos Campos Gerais e não revelou o teor das questões.

No total, a Eco Paraná mantinha no parque 34 funcionários. Uma parte deixou o local na última sexta-feira, e outra deixará seus postos amanhã. Segundo Luiz Augusto, o contrato dos trabalhadores também era de dois anos. Inicialmente, a equipe de funcionários do IAP que irá assumir as funções será composta por doze pessoas, além de cinco voluntários (acadêmicos de cursos de Meio Ambiente e de Turismo).

?No começo, contaremos com um número bem menor de funcionários dentro de Vila Velha. Porém, será apenas durante o período de transição. Em breve, iniciaremos alguns procedimentos administrativos para estudar a contratação direta ou terceirizada de novas pessoas. Enquanto isso não acontece, daremos prioridade ao atendimento dos turistas e reduziremos um pouco a intensidade de algumas atividades de manutenção, como corte de árvores e roçado?, declara.

O parque estadual fica aberto de quarta a segunda-feira, das 8h30min às 17h30min. A entrada dos turistas acontece até as 15h30min. O acesso ao parque e às áreas de arenitos custa R$ 7,00.

Para visitar Furnas e a Lagoa Dourada, a taxa é de R$ 5,00. Estudantes com carteirinha pagam meia entrada. Crianças com menos de seis anos e adultos com mais de sessenta, além de estudantes de escolas públicas com visitas pré-agendadas, são isentos. Nesta época do ano, Vila Velha tem recebido entre quatrocentos e quinhentos visitantes ao dia. Nas últimas semanas de dezembro, chegou a receber 750.

Voltar ao topo