"Hoje, 50% dos hospitais brasileiros estão no caminho da falência, principalmente os filantrópicos." A afirmação é o do superintendente do Hospital São Vicente, de Curitiba, e um dos fundadores da Associação Paranaense de Instituições Hospitalares, Marcial Carlos Ribeiro.

Segundo ele, o grande problema dessas instituições não está na falta de recursos públicos, mas sim na gestão hospitalar. E com o objetivo de mudar esse cenário, a associação estará promovendo na capital, nos dias 6 e 7 de abril, o 1.º Fórum Paranaense de Gestão Hospitalar. Esse evento, afirma Ribeiro, tem como proposta repassar experiências que vêm dando certo na área de gestão em regiões como São Paulo. "Treze hospitais paulistas formaram uma associação e utilizando de métodos conjuntos, para compra e administração de conflitos, tem conseguido excelentes resultados", falou.

Segundo Ribeiro um dos grandes erros dos administradores é tentar gerir um hospital como uma empresa comum. "Aqui nós tratamos o ser humano, e por isso precisamos investir no atendente e atendido", comentou. E é essa proposta de formação de mão-de-obra que a associação também quer trabalhar. Outro enfoque será ordenar os planos de saúde.

Serviço: quem quiser saber mais sobre o 1.º Fórum Paranaense de Gestão Hospitalar pode ligar para (41) 3026-9354.