O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, está fazendo ligações telefônicas a outros líderes europeus numa tentativa de superar a oposição a sua última proposta de Brexit.

A União Europeia respondeu com frieza ao plano britânico, apresentado na semana passada, para manter a fronteira irlandesa aberta depois que o Reino Unido sair do bloco formado por 28 países. Ambos os lados concordam que não deve haver inspeções ou infraestrutura ao longo da fronteira entre a Irlanda, que faz parte da UE, e a Irlanda do Norte, que integra o Reino Unido. Pelo plano de Johnson, haveria inspeções alfandegárias, mas apenas longe da fronteira.

O presidente da França, Emmanuel Macron, disse que vai decidir até o fim desta semana se um acordo amigável de Brexit é possível.

Johnson tem insistido que a UE feche um compromisso e promete que o Reino Unido deixará a UE na data-limite de 31 de outubro, “com ou sem acordo” de Brexit. Fonte: Associated Press.