O embaixador americano na China, Gary Locke, informou nesta quarta-feira que vai deixar o cargo no começo do ano que vem para reencontrar sua família em Seattle. Ele disse que já informou o presidente Barack Obama de sua decisão quando eles se encontraram no começo do mês.

Locke, que é casado e tem três filhos, assumiu o posto em agosto de 2011 e foi o primeiro descendente de chineses a exercer a função. Ele disse, em nota, que estava orgulhoso do trabalho da Embaixada e do Consulado do EUA na China, inclusive do esforço para aumentar as exportações norte-americanas para o país asiático e da redução do tempo para a obtenção de vistos entre os dois aliados. Fonte: Associated Press.