Foto: Arquivo

Ovos de chocolate na mira da fiscalização do Ipem.

Técnicos do Instituto de Pesos e Medidas do Paraná -Ipem – começam na próxima segunda-feira (26) a fiscalização e pesagens em locais de fabricação e comercialização dos produtos de Páscoa, verificando ?in loco? a quantidade, bem como o aspecto formal indicativo das embalagens. Trata-se de procedimento rotineiro nesta época do ano, complementando o trabalho junto aos locais de revenda.  

Nesses estabelecimentos, os funcionários especializados do instituto executam pesagens prévias de algumas unidades de cada item, que em caso de suspeita de irregularidade quantitativa são recolhidas em maior número de amostras, de acordo com a legislação vigente, a fim de serem examinadas oficialmente em laboratórios do instituto, após convite aos responsáveis para que acompanhem o processo. Quando a irregularidade é comprovada também em segundo exame, os acondicionadores e produtores são autuados.

Nos próximos dias, centenas de estabelecimentos de todas as regiões do Paraná, como supermercados, hipermercados, mercearias e lojas especializadas neste segmento estarão recebendo visitas das equipes de técnicos do instituto para análise, no local, de todos os produtos que têm seu pico de comercialização nesta época do ano (como aqueles à base de chocolate – desde ovos até bombons, passando por barras de médio e grande portes -, colombas pascais e pescados em geral – com ênfase no bacalhau). Também estarão sendo verificados brinquedos e ovos de chocolate recheados com brinquedos, que devem exibir o selo de certificação do Inmetro. Todo o território paranaense estará sendo monitorado durante esta ?Operação Páscoa?, através das regionais do IPEM em Maringá, Cascavel, Londrina e Guarapuava.

A função do Ipem é verificar formas e medidas dos produtos comercializados e comprovar se estes estão de acordo com peso e medida registrados na embalagem.

Ipem

O Ipem é uma autarquia ligada à Secretaria da Indústria, Comércio e Assuntos do Mercosul e tem como missão atender às necessidades e expectativas dos clientes e da sociedade, com inovação e desenvolvimento tecnológico, no âmbito da metrologia e da qualidade de bens e serviços. Entre suas atividades, está verificar e fiscalizar instrumentos metrológicos e o emprego correto das unidades legais de medidas e respectivos símbolos, bem como a comercialização de produtos com a conformidade certificada compulsoriamente.

Também cabe ao órgão verificar a volumetria de veículos e vagões utilizados no transporte rodoviário e ferroviário de produtos perigosos. O Instituto possui poderes para interditar e apreender instrumentos ou produtos que se apresentarem em desacordo com as especificações legais.