Brasília – O ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse nesta terça-feira (12) que o aumento da demanda por produtos agropecuários em escala mundial é benéfica aos produtores brasileiros.

?O Brasil tem uma posição favorável no campo das commodities agrícolas. Sabemos hoje que há uma forte demanda internacional. Os preços dos grãos estão com patamares bastante elevados e isso estimula a produção brasileira?, afirmou.

Segundo o ministro, a estrutura de produção nacional leva vantagem em relação aos demais competidores.

?O Brasil é o país que está melhor equipado para atender a essa demanda internacional de alimentos. Todo mundo está comendo mais. Os chineses, os brasileiros e os africanos estão comendo mais. O país está numa situação favorável. Somos um país que tem um dos maiores índices de produtividade nesse campo. Então, nós podemos ampliar as exportações de produtos agrícolas e até com um ganho maior?, disse.

Mantega lembrou que, apesar da importância das exportações de produtos naturais na balança comercial brasileira, a maior parte dos bens vendidos pelo país é manufaturada. Mas disse que voltar as atenções para a produção agrícola não seria um erro estratégico.

"Aquela história de que exportar produtos agrícolas já caiu por terra, ninguém mais fala nisso. É vantajoso, sim, e o Brasil vai aproveitar e ocupar esse mercado?.