Após a Tribuna mostrar a nova trincheira e seus problemas, leitores filmaram alguns momentos mostrando o trânsito e as infrações que vem sendo cometidas no local. Além de não solucionar o problema do congestionamento nas vias de acesso à BR-476, a nova estrutura teve um efeito colateral adverso, o fechamento do acesso direto para quem segue da Estrada Velha da Graciosa em direção ao Bairro Alto.

+ Fique esperto! Perdeu as últimas notícias sobre segurança, esportes, celebridades e o resumo das novelas? Clique agora e se atualize com a Tribuna do Paraná!

Congestionamento

As obras da trincheira foram concluídas recentemente e tinham o objetivo de desafogar o trafego de veículos. Porém, nem mesmo a construção da nova trincheira – que deixou um acesso com sentido único para cada direção – conseguiu desafogar a quantidade de veículos que trafega pelo local nos horários de pico.

Acesso ao Bairro Alto

O fechamento do acesso para os motoristas que seguiam pela Estrada Velha da Graciosa no sentido Pinhais/Curitiba em direção ao Bairro Alto também gera reclamações. Antes da nova estrutura, era comum passar o sinaleiro da Avenida Maringá para acessar o Bairro Alto, virando à esquerda logo depois da trincheira antiga. Isso facilitava o acesso às casas, comércios e economizava tempo em horários de pico.

Com a conclusão da trincheira, o motorista é obrigado a virar à direita, pegar a BR-476 (Régis Bittencourt), sentido São Paulo ou Curitiba e contornar todo o trecho do Trevo do Atuba para retornar à trincheira.

Confira o vídeo com o trajeto da nova trincheira

Motorista atropela seis ciclistas na BR-277, deixa rastro de destruição e some!