A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) registrou a morte de mais seis moradores da Curitiba em decorrência da covid-19 e também confirmou que outras 331 pessoas foram infectadas com o novo coronavírus. De acordo com dados do boletim epidemiológico divulgado nesta quarta-feira (04), a capital contabiliza 54.116 casos e 1.496 mortes nesta pandemia.

LEIA TAMBÉMOrçamento 2021: obras e segurança são prioridade para os moradores de Curitiba

Não resistiram às complicações e perderam suas vidas para a covid-19 mais cinco homens e uma mulher, que tinham entre 28 e 89 anos. Conforme a SMS, duas pessoas morreram nas últimas 48 horas e todas as vítimas da doença estavam internadas. Apenas uma delas não possuía fatores de risco.

Casos ativos de covid-19

Curitiba tem hoje 3.935 pacientes na fase ativa e de transmissão da covid-19, número que é levemente menor do que o divulgado no boletim do dia anterior, terça-feira (3), que contava com 3.965 pessoas em fase de transmissão. Mas o índice desta quarta ainda é superior ao do informe de uma semana atrás, quarta-feira (28), que trazia um total de 3.513 casos ativos.

LEIA MAIS – Apesar do temporal em Curitiba, Sanepar segue sistema de rodízio no abastecimento

Ao contrário dos casos ativos, a soma de pacientes que já estão recuperados aumentou na capital paranaense. No boletim anterior, Curitiba tinha 48.330 pessoas sem sintomas da infecção pelo vírus Sars-Cov-2 e livres do isolamento social de 14 dias. Hoje, estes pacientes já são 48.685.

UTIs do SUS

Nos hospitais de Curitiba que prestam atendimento para pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), a taxa de ocupação nos 274 leitos de unidade de terapia intensiva (UTI) exclusivos para covid-19 é de 81% nesta quarta-feira. Mas restam, segundo a prefeitura, 51 leitos de UTI do SUS livres, que podem receber pessoas com diagnóstico confirmado de novo coronavírus ou com suspeita da doença.