Dados divulgados pela FioCruz, fundação vinculada ao Ministério da Saúde que promove o desenvolvimento social e sanitário, aponta o tempo em que o coronavírus que causa a covid-19 pode ficar ativo, ou seja, transmissível, em diferentes tipos de superfície, inclusive nos automóveis.

Os dados foram extraídos de uma pesquisa publicada no New England Journal of Medicine e revelam que, após as partículas serem liberada pela saliva, em um espirro por exemplo, o vírus podem ficar “solto no ar” entre 40 minutos e duas horas e meia. Ao entrar em contato com alguns tipos de superfícies, os vírus podem continuar viáveis até por dias.

Em superfícies feitas de aço inoxidável, como pias e balcões, ou plásticos, comuns em mesas e cadeiras, a sobrevida é de 72 horas. Em papelão, esse tempo cai para 24 horas e cobre o tempo se reduz para 4 horas. Com o passar das horas o vírus vai diminuindo e para acelerar esse processo, é importante a higienização de várias dessas superfícies com álcool em gel, desinfetantes ou água e sabão.

+ Leia mais: Vacina contra coronavírus da Universidade de Oxford é segura e cria resposta imune, diz estudo

Os carros precisam de um cuidado especial, principalmente àqueles usados para o transporte de passageiros, como os taxis ou aplicativos de carona. Segundo Felipe Henrique Feltrin Boell, CEO da WOW Carro Limpo em 3 Minutos, franqueadora de car wash de Curitiba, “a pandemia nos mostra é que a limpeza do carro não é apenas uma questão estética. Manter o carro limpo e higienizado é uma das formas mais eficazes de se impedir a proliferação do vírus”.

Na área externa, uma boa opção de higienização são contar com o processo automatizado, que evita aglomerações e o contato entre as pessoas, seja com o motorista e o operador, ou mesmo entre os motoristas que estão na fila de espera, já que estes permanecem dentro dos seus veículos. “Na WOW, é possível realizar uma limpeza completa do veículo em apenas 3 minutos, sem que haja a necessidade do motorista sair do veículo”, exemplifica Boell.

Também é importante que medidas de higienização interna do automóvel sejam adotadas. Felipe Boel ressalta a importância de se esterilizar volantes e câmbio com álcool 70% e sempre passar um pano úmido com detergente painel, que pode ser higienizado com álcool.

+ Veja também: Donos de academia se amarram em frente à prefeitura de Curitiba. “Estamos às moscas”

O cintos de segurança também devem ser limpos com um papel toalha, sempre que utilizados. “Um carro que tenha sido contaminado pode ficar com o vírus viável por até dias, levando esses vírus de uma lado para o outro. Todos esses cuidados são vitais na contenção da pandemia”, esclarece Felipe Boell.

Lavagem de graça

Como parte da campanha de divulgação do início dos seus serviços em Curitiba e região metropolitana, a empresa tem distribuindo lavagens gratuitas para profissionais da saúde e carros oficiais, como ambulâncias de Almirante Tamandaré, por exemplo. De acordo com a empresa, basta apresentar um documento que comprove a atividade na saúde e contar com os serviços quantas vezes precisarem.

A oferta gratuita das lavagens será realizada de segunda a sexta-feira, das 07 às 22 horas, respeitando a orientação da Secretaria Estadual de Saúde de restringir a circulação de pessoas em locais públicos nos finais de semana.

A ação acontece nas quatro unidades da WOW, localizadas nos postos da Rede Petrosol: Minérios (Rua José Bajerski, 44, Abranches), Trabalhador (BR 277, 4.100), Rodovia da Uva (n. 881, Colombo) e Botânico (Rua Urbano Lopes, 483).


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?