A Agência Reguladora de Medicamentos e Produtos para a Saúde do Reino Unido (MHRA, na sigla em inglês) informou nesta quarta-feira (2) que a vacina produzida pela Pfizer/BioNTech está aprovada para uso em solo britânico.

+Leia mais! “Vamos entrar no caos se casos de covid-19 aumentarem”, alerta infectologista

A vacina que oferece até 95% de proteção contra o novo coronavírus deve ser ofertada à população na próxima semana. O primeiro lote deve ter 800 mil doses. Pessoas com mais de 80 anos e profissionais de saúde devem ser vacinados com prioridade.

O imunizante Pfizer/BioNTech é a vacina mais rápida para ir do conceito à realidade, levando apenas 10 meses para seguir os mesmos passos que normalmente duram 10 anos.