Acontece neste fim de semana (17 e 18/4), a segunda etapa do Campeonato Paranaense Velocidade na Terra 2010, no Autódromo de São José dos Pinhais. O evento será organizado pela AGV Promotora de Eventos, com supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPA), onde serão disputadas as categorias Fusca Velocidade, Novatos “I” e “C”, Marcas “A” e “B”, Fórmula “I” e “C”, Turismo 5000, Mini Fórmula Tubular “A” e “B”.

Fusca Velocidade

O piloto curitibano Cláudio Harmuch (Grupo Uninter) vai para a segunda etapa da temporada 2010 em busca de recuperação, pois na abertura do campeonato, teve problemas com o motor do seu carro, abandonando a primeira corrida e não participando da segunda.

Quase um mês depois, o Fusca n.º 53 de Harmuch foi totalmente revisado pela FC Motorsport e certamente estará entre os favoritos à vitória nesta segunda etapa em sua categoria.

Sobre sua participação na prova deste fim de semana, Cláudio Harmuch (Grupo Uninter) disse estar confiante em um bom resultado, pois nos treinos realizados no intervalo das etapas, o carro se mostrou muito competitivo.

“Tivemos problemas com o motor do carro na etapa de abertura do campeonato, mas certamente para essa corrida ele vai estar mais forte. Fizemos as alterações e ajustes necessários e vamos em busca da primeira vitória na temporada, para continuar na briga pelo bicampeonato do Paranaense de Fusca Velocidade”, disse Cláudio Harmuch.

Marcas “A”

Chris Bornemann.

Na categoria Marcas “A” o atual campeão Chris Bornemann (Embretech/WD-40/ NSO Borrachas/Mundial Prime) espera poder “brigar” pela vitória, dentro da pista, com muita garra e determinação, atitudes estas que já lhe renderam muitos títulos.

Na primeira etapa, largou na pole position, mas não conseguiu manter a liderança da corrida até a bandeirada final, concluindo a prova em segundo lugar. O piloto e a equipe Ávila Racing realizaram treinos para melhorar o rendimento do carro.

“O carro novo ainda não fará sua estréia nesta etapa, mas eu pretendo andar na frente com o equipamento que já me deu tantas vitórias. Preciso melhorar, pois a vitória na primeira etapa, onde eu não consegui segurar a posição de líder, conquistada no treino classificatório. Atitudes desrespeitosas de uma equipe adversária tentam desestabilizar o emocional da minha equipe, mas o que tem acontecido fora da pista vai ser resolvido pelas autoridades competentes. Quero estar focado no melhor acerto do meu carro e buscar a primeira vitória na temporada”, concluiu Chris Bornemann.