O canadense Milos Raonic faturou na noite de domingo o título do Torneio de San Jose, na Califórnia. A conquista do número 13 do mundo foi a terceira consecutiva dele no ATP 250 norte-americano, disputado em quadras duras e cobertas e que fez a sua despedida do calendário do tênis.

Na decisão, Raonic venceu o alemão Tommy Haas, 22º colocado no ranking da ATP, por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/3, em 1 hora e 16 minutos. O saque foi a chave para a vitória do canadense, que fez 19 aces na partida e nunca teve o seu serviço ameaçado na decisão.

Raonic, de 22 anos, venceu todas as 12 partidas que disputou em San Jose na sua carreira e se tornou o primeiro tenista a se sagrar tricampeão do torneio na Era Aberta, iniciada em 1968. Antes disso, Tony Trabert faturou os títulos do torneio entre 1953 e 1955.

O título conquistado no domingo foi o quarto da carreira de Raonic. Já Haas, de 34 anos, disputou a sua 25ª final e agora soma 13 títulos e 12 vice-campeonatos.

A chave de duplas do Torneio de San Jose foi vencida pelo belga Xavier Malisse e pelo alemão Frank Moser. Na decisão, os europeus derrotaram os australianos Lleyton Hewitt e Marinko Matosevic por 2 sets a 1, com parciais de 6/0, 6/7 (5/7) e 10/4.

A edição de 2013 foi a última do Torneio de San Jose, que teve a sua data transferida para Memphis a partir do próximo ano. Memphis ainda sediará neste ano um torneio de nível ATP 500, que será assumido pelo Rio em 2014.