Agora é oficial. O volante Jhonny Lucas não é mais jogador do Paraná Clube e acertou com o Sint-Truidense, da Bélgica. O jogador, inclusive, se despediu do Tricolor em sua conta no Instagram, na quarta-feira (21). No twitter, os belgas também anunciaram a contratação do jovem atleta. Procurado pela reportagem, via assessoria de imprensa, o clube não confirma oficialmente os valores da transação. Nos bastidores, porém, as cifras variam entre representantes do atleta e pessoas ligadas à diretoria.

+ Leia também: Tricolor luta por equilíbrio financeiro e resultados refletem nos investimentos

A reportagem apurou junto ao Paraná que a ida de Jhonny para o modesto time europeu deve render 1 milhão de euros, cerca de R$ 4,5 milhões na cotação do dia, por 90% dos direitos econômicos do atleta. No entanto, pessoas ligadas ao atleta afirmam que as cifras são superiores e chegariam a 2,5 milhões de euros por 90% dos direitos, cerca de R$ 11 milhões.

View this post on Instagram

Hoje me despeço desse clube que me abriu as portas e me deu a oportunidade de realizar um sonho de criança ,porém meu carinho e admiração por esse clube fica , só tenho agradecer a torcida,diretoria e jogadores por sempre ter me tratado com muito carinho desde quando subi ao profissional,fica aqui meu agradecimento a esta instituição. OBRIGADO POR TUDO !!!

A post shared by Jhonny Lucas (@jhonnylucas) on

Ou seja, caberá ao presidente Leonardo Oliveira divulgar oficialmente o tamanho da venda do volante, tida como a salvação financeira para o restante de 2019.

+ Mais na Tribuna: Torcedor é homenageado por ídolo paranista

De qualquer maneira, o Tricolor espera ainda poder lucrar com uma futura transferência do jogador de 19 anos, mantendo 10% dos seus direitos econômicos, além de contar com o Mecanismo de Solidariedade da Fifa, que destina parte de transferências futuras de atletas para seus clubes formadores.

https://twitter.com/stvv/status/1164187810070499328

+ Confira a classificação completa da Série B!

O Sint-Truidense negociava também com o zagueiro Eduardo Bauermann, que chegou a ser poupado no empate sem gols contra o Atlético-GO na última terça-feira (20). No entanto, o próprio defensor revelou nas redes sociais que negou a ida ao modesto time belga para permanecer na Vila Capanema.