O vídeo com a festa tricolor no vestiário do Válter Ribeiro viralizou e emocionou a torcida. Foto: Reprodução
O vídeo com a festa tricolor no vestiário do Válter Ribeiro viralizou e emocionou a torcida. Foto: Reprodução

Ô, é Tricolor! Ô, é Tricolor! Foi este o refrão que ecoou em alto e bom som no vestiário do Paraná Clube após o empate em 1×1 contra o São Bento, em Sorocaba, conquistado na última quarta-feira, no estádio Válter Ribeiro. A festa de jogadores e comissão técnica foi registrada pela assessoria de imprensa do clube. E viralizou no Facebook do time logo após a partida.

Fora do contexto, seria no mínimo curioso testemunhar tanta efervescência com um resultado de igualdade, na primeira partida de uma competição, no caso a Copa do Brasil. Mas com o novo regulamento do torneio, cada jogo da primeira fase é uma decisão. É na partida única, na casa do adversário pior classificado no ranking da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que é decidido quem segue na competição, cabendo a vantagem do empate ao time visitante, melhor ranqueado.

Não à toa, que atrás no marcador, o time mudou a postura na segunda etapa e partiu em bloco para o ataque. As chances de empatar foram muitas, mas o sofrimento pelo gol da classificação se estendeu até o apagar das luzes, quando aos 45 minutos. O “quase gol” em várias oportunidades, na maioria das vezes interrompido pelo goleiro Rodrigo Viana, em noite inspirada, explicam bastante o “fervo” no vestiário.
“Foi um alívio saber que vamos disputar a próxima fase. Foi a hora de extravasar, de tirar o peso dos ombros. Foi muito bom, um descarrego”, afirmou o autor do gol, o meia Renatinho.

Alegria

A festa traduz, em muito, o espírito alegre que o Paraná vem empregando em campo, independente de qual time entra em campo. Os gols da temporada sempre são muito comemorados, com sorrisos estampados no rosto. E já foram dez no total até agora entre Primeira Liga, Paranaense e Copa do Brasil. Isto bate com o discurso de conjunto entoado pelo técnico Wagner Lopes e repetido pelos comandados. Depois da conquista, o treinador voltou a valorizar o espírito de equipe, que ficou tão evidente no vídeo gravado no vestiário.

“Não foi fácil. Já esperávamos isso. Mas, preciso agradecer a luta, o empenho desses meninos. Tenho certeza que o torcedor está muito orgulhoso deste time. Houve justiça, por tudo o que fizemos na fase final da partida”. Por isso, é possível dizer: a festa com cara de conquista de título foi mais do que merecida.

Confira o vídeo da festa do Tricolor: