O técnico do Paraná, Allan Aal, indicou que não deve poupar jogadores nas próximas partidas visando o duelo da Copa do Brasil, que acontece no dia 5 de fevereiro, diante do Palmas-TO. Antes do jogo decisivo da competição nacional, o Tricolor encara o FC Cascavel e tem o clássico diante do Athletico, ambos pelo Paranaense.

“O planejamento é colocar o que a gente tem de melhor disponível, não preservar demais e não esticar demais. O que observarmos durante a semana de trabalho, não correndo o risco de perder ninguém, vai ser colocado em campo”, afirmou o treinador.

TABELA: Veja os próximos jogos e a classificação do Paranaense

O confronto pela Copa do Brasil é prioridade por render uma boa recompensa financeira em caso de classificação. Por ser parte do grupo 3, caso avance diante do Palmas, o Paraná somará o valor de R$ 540 mil aos cofres. Montante que ajudará nos problemas financeiros da equipe, que sofre com atraso de salários desde o final de 2019.

No entanto, de acordo com o comandante, a equipe também focará na classificação no Estadual. “Vamos buscar a classificação em primeiro plano e evoluir partida a partida”, declarou. Com um elenco ainda em formação, o Tricolor segue no mercado buscando reforços, enquanto trabalha a parte física de atletas que ainda não estão condicionados.

“Não podemos achar que uma derrota é terra arrasada”, defende técnico do Paraná após derrota para o Coritiba

O duelo pela competição nacional acontecerá no estádio Nilton Santos, em Tocantins. A vaga para a próxima fase será decidida em jogo único. Por ser visitante, o Paraná possui a vantagem de se classificar de maneira direta mesmo com um empate.

+ Mais do Paraná

+ Coritiba vence o clássico com o Paraná na Vila com gol de falta
+ Veja o gol da vitória do Coritiba sobre o Paraná