Depois das vaias que a equipe sofreu na vitória sobre Honduras, na última quarta-feira, em Porto Alegre, a seleção brasileira teve uma recepção mais calorosa em Temuco, no Chile, do que no próprio País. Cerca de 800 torcedores, entre chilenos e brasileiros, ocuparam as proximidades do hotel onde a equipe vai se concentrar para a estreia da Copa América, neste domingo, contra o Peru.

A delegação desembarcou no Chile por volta das 22h10 (de Brasília) e chegou ao hotel por volta das 23h15, nesta sexta-feira, aguardada por uma multidão. A equipe chegou diretamente de Porto Alegre, onde havia vencido Honduras por 1 a 0, no último amistoso. Os jogadores saíram sem dar entrevistas e poucos acenaram para os jornalistas.

Divididos, os torcedores fizeram festa para Neymar, que também não falou com a imprensa, mas também entoaram gritos de apoio à seleção chilena. O Brasil estreia na Copa América neste domingo contra o Peru, no estádio Germán Becker, em Temuco.