Hélio Castroneves conquistou na noite de sábado sua primeira vitória na temporada da Fórmula Indy. O brasileiro chegou na frente na etapa do Texas, superando o norte-americano Ryan Hunter-Reay e o compatriota Tony Kanaan, que terminou em terceiro, ainda no embalo da sua grande vitória nas 500 Milhas de Indianápolis

Com o resultado, a equipe Penske chegou ao seu primeiro triunfo no campeonato. Helinho, por sua vez, alcançou sua quarta vitória no circuito oval do Texas – já havia vencido em 2004, 2006 e 2009. De quebra, se isolou na liderança da tabela. O brasileiro soma agora 259 pontos, contra os 237 de Marco Andretti e os 232 de Hunter-Reay. Kanaan aparece em quarto, com 195 pontos.

Largando da sexta posição, Helinho fez grande exibição neste sábado. Sem se intimidar com o ritmo dos rivais, ele mostrou forte desempenho e aproveitou as bandeiras amarelas para galgar posições desde o início da prova. Durante a maior parte da corrida, o duelo nas primeiras colocações foi protagonizado por Hunter-Reay, Andretti, Helinho, Ernesto Viso e Justin Wilson.

A situação passou a ficar mais favorável para o brasileiro na 90ª volta, quando ele conseguiu se impor diante de Hunter-Reay. Também deixou Andretti para trás. E, ao atrasar sua parada nos boxes, foi beneficiado por uma bandeira amarela que garantiu sua liderança. Com esta “ajuda”, não vacilou e confirmou a vitória.

“A equipe fez um grande trabalho. Conseguimos administrar bem os pneus, o combustível e deu tudo certo. Dedicamo-nos bastante, fizemos nossa lição e de casa e recebemos a recompensa. Graças a Deus fomos recompensados”, afirmou o piloto brasileiro, que voltará às pistas já no próximo sábado para a etapa de Milwaukee, em Wisconsin.