O ranking da ATP foi atualizado nesta segunda-feira e trouxe uma novidade para o tênis brasileiro. João Souza, o Feijão, se tornou o novo tenista número 2 do País ao subir da 110.ª para a 90.ª posição da listagem da entidade. Com isso, ele ultrapassou Ricardo Mello, que vem logo atrás, na 91.ª colocação, e caiu para a condição de terceiro mais bem ranqueado do Brasil.

Graças à boa campanha no Torneio de Kitzbuhel, no qual foi à semifinal, Feijão chegou aos 594 pontos, contra 587 de Mello, enquanto Thomaz Bellucci segue disparado como melhor brasileiro no ranking, no qual tem 1.180 pontos e está na 36.ª posição no geral, mesmo posto que ocupava na semana passada.

A liderança segue nas mãos do sérvio Novak Djokovic, enquanto o espanhol Rafael Nadal continua na segunda colocação. O suíço Roger Federer é o terceiro no top 10, que não sofreu alterações de posições nesta segunda-feira.

Já no top 20, a única novidade foi a troca de posições entre Juan Martín del Potro e o Fernando Verdasco, com o argentino assumindo o 19.º posto e o espanhol caindo para o 20.º.

Outro destaque desta segunda-feira no ranking da ATP foi o checo Radek Stepanek, que subiu 27 posições após conquistar o Torneio de Washington. Com isso, ele agora figura na 27.ª posição. O norte-americano John Isner, semifinalista do ATP disputado nos Estados Unidos, por sua vez, subiu sete postos e vem logo atrás, em 28.º

 

Ranking da ATP, 8/8:

1.º Novak Djokovic (SER), 12.860 pontos

2.º Rafael Nadal (ESP), 11.770

3.º Roger Federer (SUI), 9.710

4.º Andy Murray (GBR), 6.705

5.º Robin Soderling (SUE), 4.325

6.º David Ferrer (ESP), 4.210

7.º Gael Monfils (FRA), 2.905

8.º Mardy Fish (EUA), 2.540

9.º Tomas Berdych (RCH), 2.420

10.º Nicolas Almagro (ESP), 2.165

11.º Gilles Simon (FRA), 2.155

12.º Andy Roddick (EUA), 2.030

13.º Richard Gasquet (FRA), 2.000

14.º Mikhail Youzhny (RUS), 1.990

15.º Viktor Troicki (SER), 1.970

16.º Jo-Wilfried Tsonga (FRA), 1.945

17.º Stanislas Wawrinka (SUI), 1.935

18.º Jurgen Melzer (AUT), 1.875

19.º Juan Martín del Potro (ARG), 1.710

20.º Fernando Verdasco (ESP), 1.705

36.º Thomaz Bellucci (BRA), 1.180

90.º João Souza (BRA), 594

91.º Ricardo Mello (BRA), 587

111.º Rogério Dutra da Silva (BRA), 503

169.º Julio Silva (BRA), 323