O Coritiba manteve seu jejum na Série B do Campeonato Brasileiro ao perder por 2×1 para o Londrina, na manhã deste sábado (14), no estádio do Café. O time coxa-branca tinha o jogo na mão. Vencia o jogo e tinha um homem a mais desde os 13 minutos do segundo tempo. Mas em duas falhas individuais do volante Vitor Carvalho e do zagueiro Thalisson Kelven, acabou sofrendo a virada nos minutos finais. O resultado revoltou o meia-atacante Rafinha.

+ Leia mais: Londrina x Coritiba termina em confusão generalizada no Café

“Não dá. Principalmente por ser um jogo às 11h, em um calor desses. É inadmissível tomar primeiro o empate, porque estava vencendo e com um jogador a mais. O segundo gol nem se fala. Tem que ter inteligência, calma e trabalhar para, no próximo jogo, conseguir a vitória e minimizar um pouco a situação”, lamentou o camisa 7.

+ Leia também: Coritiba perde de virada para o Londrina no Café

Rafinha fez um bom jogo, talvez o seu melhor nesse retorno ao Coritiba. Mas não aguentou atuar os 90 minutos por conta de uma lesão no joelho. O camisa 7 espera que o time coxa-branca possa acabar com a má fase e conseguir se recuperar diante do CRB, no próximo sábado (21), no Couto Pereira. “Temos que sair dessa situação. São cinco jogos que a gente não ganha. O time do Londrina tinha um a menos, estávamos vencendo, tomamos dois gols que não podemos tomar. Dentro de casa, com o apoio do torcedor, vamos enfrentar mais um adversário que está lá em cima e precisamos voltar a vencer”, arrematou Rafinha.

+ Confira a tabela e a classificação da Série B!

O atacante Igor Jesus, autor do gol alviverde, também lamentou o empate e criticou a postura do Coxa depois que ficou com um jogador a mais, no começo do segundo tempo. “Não tem explicação. A gente devia ter mais inteligência. Fomos tentar atacar de qualquer jeito. Infelizmente não conseguimos. A gente tinha que ficar mais com a bola. O que a gente vem trabalhando não está dando certo. Temos que continuar trabalhando para corrigir os erros”, Igor Jesus