O técnico Jorginho aprovou a atuação do Coritiba no empate em 0x0 com o Botafogo, na última quarta-feira (2). O treinador está à frente do time a apenas duas rodadas, mas já conta com invencibilidade – com uma vitória e um empate – e nenhum gol sofrido em seu comando.

Esperando mais tempo para treinar a equipe, o comandante alviverde quer o time o mais rápido possível longe da zona de rebaixamento. Com sete pontos, a equipe ocupa a 14ª posição.

Após um jogo em que o Coritiba criou chances reais de gol e soube se defender das investidas do Botafogo, o treinador não escondeu a satisfação pelo desempenho da equipe, porém lamentou que a vitória não veio. Isso porque ele projeta a primeira parte da tabela de classificação.

“O sentimento é de que poderíamos ter ganhado. Se tivéssemos levado esses três pontos pra casa possivelmente entraríamos na primeira página da classificação”, disse às Rádios Banda B e Coxa.

O próximo compromisso do Alviverde é diante do Atlético-MG, no domingo (6), no Couto Pereira, e a luta pela subida de posições seguirá. O retrospecto do técnico nesta nova passagem pelo Coxa é de uma vitória por 1×0 em cima do Sport e o empate sem gols com o Botafogo.

+ Confira a classificação completa do Brasileirão!

“O importante é que pontuamos fora de casa e não sofremos gol. Agora temos um jogo importante em casa. Uma vitória contra o Atlético-MG seria muito importante na nossa luta para quanto mais rápido fugirmos da zona de rebaixamento, melhor”, afirmou.

Antes da chegada do treinador, o Coxa tinha levado gols em todas as partidas e chegou a acumular quatro derrotas seguidas. Recém-chegado de volta ao Coritiba, Jorginho disse que teve pouco tempo para implantar suas ideias. Foram apenas quatro treinos na última semana e um nesta. Por isso, acredita que o time tem muito ainda a evoluir no Brasileirão.

“Nosso treino tem sido apenas é 10 zero (posicionamento com base no adversário), conversa e vídeo. E por isso fiquei extremamente feliz com o que aconteceu no jogo porque apesar do pouco tempo a nossa equipe me pareceu muito organizada”, finalizou.

+ Mais do Coxa:

+ Cristian Toledo: 0x0 justo e que mostrou um Coxa mais seguro
+ “O Coritiba é fundamental na minha vida”, diz Sabino, que fala sobre presente e futuro


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?