A expectativa do Coritiba é que o lateral-direito Yan Couto seja vendido nos próximos dias. Segundo o presidente Samir Namur, “três clubes do alto escalação da Europa” sondaram o jogador. O clube aguarda que as propostas sejam realizadas em breve. O Coxa pede 5 milhões de euros (cerca de R$ 22 milhões na cotação atual).

“O Yan, por meio do seu agente, recebeu sondagem de três clubes do alto escalão da Europa. Eles têm ciência de que o Coritiba quer 5 milhões de euros, no mínimo. Existe chance que nos próximos dias uma proposta se materialize. É um valor muito importante para o Coritiba organizar a casa”, explica Namur.

O empresário do atleta, Marcelo Robalinho, está na Europa, e existe a possibilidade dele retornar ao Brasil com uma oferta estrangeira ao Coxa. Porém, o jovem jogador só deixará o clube quando completar a maioridade.

“Caso a negociação se confirme, o atleta só vai efetivamente para a Europa quando completar 18 anos, que ele faz em junho deste ano. Até lá fica no Coritiba”, garante Namur.

Segundo o blog da jornalista Nadja Mauad, Bayer Leverkusen, da Alemanha, e Arsenal, da Inglaterra, são dois dos clubes que estão de olho em Yan Couto. O lateral sequer estreou como profissional, mas ganhou destaque no título com a seleção brasileira na última Copa do Mundo sub-17, disputada no final de 2019.

+ Mais do Coxa:

+ Coritiba empresta pacotão de jogadores revelados na base
+ Coritiba encontra dificuldades para anunciar nomes de ‘peso’
+ Rafinha desiste de aposentadoria e segue como um dos pilares do Coritiba