O Coritiba pode até não estar no G4 da Série B do Campeonato Brasileiro como previa, mas se tem uma conquista extra-campo que o torcedor deve se orgulhar é o excelente público presente em todos os jogos do time no Couto Pereira. A média de espectadores no estádio, considerando os quatro jogos na competição, é de 34.361 pessoas, uma ótima quantia para os padrões não só da Segundona, mas também do futebol brasileiro.

As ações de marketing impulsionaram a presença dos torcedores no Alto da Glória. Na primeira partida na competição, diante da Ponte Preta, com portões abertos e sem a cobrança de ingresso, para uma justa homenagem ao ídolo Dirceu Krüger, que havia falecido dias antes, o torcedor já havia lotado o estádio. Nos demais confrontos, um ‘pacotão’ de ingressos para três jogos (Londrina, Cuiabá e Paraná Clube) no valor de R$ 15. Sabendo da importância de sua presença para apoiar o time nesse imenso desafio que está sendo tentar sair da Série B, o torcedor ‘abraçou’ a causa e compareceu.

+ Leia mais: Por onde andam essas figuraças do Trio de Ferro? 

A partida que trouxe mais público ao Couto neste ano foi contra o Cuiabá, com 37.220 pessoas nas arquibancadas. Para se ter uma ideia do quanto essa quantia é expressiva, no ano passado, o melhor público registrado pelo Coxa na segunda divisão foi no empate sem gols diante da Ponte Preta, com 9.223 presentes. Em 2018, a maior presença no Alto da Glória foi de 13.184 torcedores, no primeiro clássico Atletiba do ano e que foi vencido pelo Athletico por 1×0.

Porém, em 2019, em se tratando de Série B, a realidade nas arquibancadas é outra e chama a atenção. O Alviverde tem a marca dos quatro maiores públicos registrados no torneio, tendo o quinto na lista menos que o dobro da quarta posição – Sport 3×1 Vitória, com 14.018 pagantes -.

Esses resultados são relevantes para o futebol do Estado como um todo. Pela primeira vez na história um clube de futebol do Paraná consegue levar mais de 30 mil pessoas ao estádio em quatro jogos seguidos. Antes disso, as arquibancadas cheias tinham sido vistas em uma sequência de três partidas do Coritiba, pelo Campeonato Paranaense de 1978, no Brasileirão de 1980 e na Segundona de 2007.

+ Confira também: Coritiba deve ter patrocinador principal na camisa até o fim da Série B

Em se tratando da média de público do futebol brasileiro em2019, em todas as competições, somente Flamengo (45.327) e Corinthians (33.382) passam da marca de mais de 30 mil pessoas por jogo, o que demonstra a importância dos números do Coritiba. Porém, neste ranking geral, o Alviverde cai de posição já que entra na conta o Campeonato Paranaense e, por isso, o número final fica de 14.440 pessoas por jogo. Ainda assim, em 13º, o Coxa fica na frente dos rivais, com o Athletico em 15º (13.985) mesmo com jogos pela Copa Libertadores e Recopa Sul-Americana, e Paraná Clube em 38º (3.258).