O meia Jadson não vai reforçar o Coritiba. O clube e o representante do jogador, Marcelo Robalinho, não chegaram a um acordo após reunião nessa semana. Assim, a negociação foi encerrada.

De acordo com o repórter Daniel Piva, da Rádio Transamérica, a diretoria do Coxa ofereceu um contrato de produtividade ao jogador, que recusou. Robalinho, por outro lado, informou apenas que o negócio não seria concretizado, segundo informações do Blog da Nadja. A reportagem tentou, sem sucesso, contato com o clube e também com o agente.

+ CONFIRA A TABELA E A CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO PARANAENSE!

O interesse coxa-branca em Jadson se tornou público em janeiro. O jogador de 36 anos teve o nome aprovado pelo técnico Eduardo Barroca, mas ainda precisaria acertar as bases com o Coritiba, além de oficializar sua rescisão de contrato com o Corinthians, com quem tem vínculo até dezembro.

A reportagem apurou, no entanto, que o Coxa só iria fechar o negócio quando tivesse mais dinheiro em caixa. Esse aporte poderia vir com a venda do lateral-direito Yan Couto ao Manchester City, ou com a assinatura de contrato de TV aberta e PPV com a Rede Globo. Nenhum dos dois cenários já se tornou realidade.

+ Saiba como assistir aos jogos do Paranaense pelo celular, computador ou Smart TV

Nas redes sociais, Jadson fez lobby para acertar com o Alviverde. Ele até apareceu recebendo uma camisa do clube de presente das mãos do empresário Marquinhos Malaquias, torcedor do Coxa.

Revelado pelo rival Athletico, aliás, Jadson já havia dito em entrevista que nunca jogaria do Coritiba.