Se por um lado o técnico Sandro Forner deve poupar alguns jogadores para o clássico Atletiba deste domingo (4), às 17h, no Couto Pereira, por outro, quem for entrar em campo não vê a hora de a bola rolar. O atacante Iago, que foi titular pela primeira vez na vitória sobre o União, no último final de semana, em Francisco Beltrão, garantiu que o duelo contra o Atlético, sobretudo pela possibilidade de ser o único embate contra o maior rival nesta temporada, será o maior jogo do ano.

“Para mim vai ser o maior jogo do ano. Jogar contra o maior rival, dentro da minha casa, poder ser o único Atletiba do ano de 2018, para mim é motivante demais. Pretendo fazer um grande jogo, sair com os três pontos para que a gente possa subir na tabela e ir tranquilo para a Copa do Brasil. É um jogo grande, diferente, que fico sem palavras. É o maior jogo do Estado. Sei o peso e a dimensão que tem. É Atletiba, não tem explicação. Só quem jogou mesmo que sabe o peso que é”, cravou o camisa 7 do Coxa.

Confira a tabela do Campeonato Paranaense!

Iago, que entrou em todos os jogos do Coritiba até agora, mas foi titular somente na última partida contra o União, tem agradado o técnico Sandro Forner. O jogador espera usar o clássico Atletiba para garantir sua vaga na equipe titular alviverde para o duelo decisivo pela Copa do Brasil, quarta-feira, diante do Parnahyba, no Piauí.

“Um clássico, dependendo da atuação do atleta, define muita coisa. Se for bem, acho que o atleta vai permanecer jogando sim, até porque clássico é o maior jogo que tem, ainda contra o maior rival. Espero continuar com a sequência de bons jogos e continuar até o resto do ano”, acrescentou Iago.

Leia mais: Coritiba terá vários jovens em campo no Atletiba

O camisa 7 coxa-branca deve ser mais uma vez titular do ataque do Coritiba no clássico contra o Atlético, no Couto Pereira. Os clássicos Atletibas trazem boas recordações ao jogador que, na final do ano passado, na Arena da Baixada, marcou um golaço e ajudou o Coxa a vencer o duelo decisivo de ida por 3×0.

“O Sandro (Forner – técnico) vem me testando e estou à disposição dele. Se ele optar por mim para começar jogando espero dar o meu melhor. Lógico que tenho boas lembranças do ano passado, quando joguei contra o Atlético e até fiz gol. É um jogo diferente e espero estar fazendo um grande jogo no domingo”, concluiu Iago.