O show internacional do cantor britânico Paul McCartney no Estádio Couto Pereira, em Curitiba, foi um sucesso. E o Coritiba aproveitou disso para provocar o presidente do Conselho Deliberativo do Athletico, Mário Celso Petraglia. O cartola, que externou, em dezembro, sua torcida para que chovesse no dia da apresentação do ex-Beatle, recebeu a resposta do Coxa no Twitter. “Não choveu”, escreveu o clube em resposta a uma matéria do dirigente do ano passado.

No dia 11 de dezembro, véspera da final da Copa Sul-Americana, o Athletico apresentou, na Arena da Baixada, sua nova identidade visual. Mário Celso Petraglia, durante a apresentação, falou sobre a utilização do estádio para shows, enalteceu a segurança que o teto retrátil dá para os espetáculos e criticou o rival por cobrar um valor menor para a realização dos eventos.

+ Leia mais: Couto Pereira entra no rol dos grandes eventos de Curitiba

Por conta disso, no meio da sua apresentação e quando tratava do assunto, Petraglia afirmou que estava torcendo para que chovesse no dia do show de Paul McCartney, no Couto Pereira. Não foi o que aconteceu. A noite estava agradável e não caiu uma gota sequer no Alto da Glória para a apresentação do cantor.

Mais um ponto para o Coritiba que está entrando na rota dos grandes shows internacional que passam pela capital paranaense. Antes de Paul McCartney, o Couto Pereira já havia recebido o show de Roger Waters. Assim, o presidente alviverde, Samir Namur, projeta que o estádio coxa-branca passe a ser a principal opção das produtoras para receber os principais espetáculos internacionais.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!