O clássico entre Coritiba e Paraná Clube, no dia 31 de março, pela última rodada da Taça Dirceu Krüger, segue sem definição de local. Mandante, o Coxa ainda não resolveu em qual estádio irá jogar e o jogo tem duas opções no momento: o Janguito Malucelli ou o Germano Krüger.

+ Mais na Tribuna: Começa corrida eleitoral na FPF

Devido ao show de Paul McCartney, marcado na véspera do Paratiba, o Couto Pereira estará indisponível e o Verdão precisa achar uma possibilidade para o confronto acontecer. A diretoria alviverde espera que o Janguito tenha a documentação regularizada (laudos de segurança, vistoria de engenharia e combate de incêndio) para tentar atuar no campo do extinto J.Malucelli e até estuda colocar arquibancadas tubulares com a ajuda da empresa que contratou a apresentação e alugou o Alto da Glória.

+ Susto: Presidente do Paraná Clube passa por cirurgia de emergência

O plano B é o estádio Germano Krüger, do Operário. A diretoria do Fantasma tinha acatado o pedido da Polícia Militar (PMPR) para não ceder o campo, também motivada pela briga entre torcedores dos dois times no intervalo da partida válida pela Taça Barcímio Sicupira, no dia 10 de fevereiro. Porém, em contato com a reportagem da Tribuna do Paraná, Alvaro Goes, gestor do time alvinegro, falou que já liberou a praça esportiva para o Coritiba, com portões fechados, em nova conversa neste mês.

+ Trocando: Coritiba altera inscritos no Campeonato Paranaense

A Vila Capanema não pode receber o clássico por se tratar de inversão de mando. O estádio do ABC, em Foz do Iguaçu, e o 14 de Dezembro, em Toledo, estão liberados para receber o clássico se não houver outra solução. O prazo para a oficialização do local acaba no 21 de março. Em contato, a assessoria de imprensa da Federação Paranaense de Futebol (FPF) informou que não há novidade até agora sobre a questão.

+ Confira a tabela completa do Campeonato Paranaense!

Para piorar, ainda há outro agravante. De acordo com o Regulamento Geral de Competições Profissionais da FPF, o Paratiba precisa ser realizado longe de Curitiba. Como o Coritiba não fez a indicação de um segundo estádio antes do início do campeonato, o jogo deve ser realizado “a no mínimo 100 km de distância do município sede, no prazo máximo de dez dias antes da realização da partida, e mediante a apresentação da concordância e autorização do proprietário do estádio”, conforme previsto no regulamento.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!