Principal fonte de renda da maioria dos times do Campeonato Paranaense 2020, as cotas pagas pela plataforma DAZN, detentora dos direitos de transmissão do torneio, podem ser suspensas enquanto o calendário do futebol estiver parado por causa do novo coronavírus.

O valor referente ao mês de março ainda não foi quitado, de acordo com as equipes consultadas pela reportagem. O campeonato foi oficialmente suspenso no último dia 16. Cada time deveria receber cerca de R$ 370 mil líquidos pelo contrato.

Nos Estados Unidos, por exemplo, a empresa já começou a avisar as ligas esportivas com quem tem contrato que não pagará direitos de jogos suspensos durante a pandemia. A informação foi publicada pelo site americano Sports Business Daily.

+ Podcast De Letra e as mentiras do futebol paranaense

Oficialmente, o braço do DAZN no Brasil não confirma a suspensão dos repasses, mas admite, em nota oficial, que estuda uma série de medidas para superar este “período difícil”.

“Em função do impacto sem precedentes da COVID-19 no esporte, o DAZN se encontra em processo de revisão de uma série de medidas que permitam que a empresa supere este período difícil e volte à plena atividade quando o calendário esportivo for retomado”, diz a nota

Além dos Paranaense, único Estadual transmitido pela plataforma, o DAZN também exibe a Série C do Brasileirão, a Copa Sul-Americana, o Paulistão sub-20 e a NBB.

+ Mais do futebol paranaense:

+ Alojamento do Couto será utilizado por funcionários do Hospital de Clínicas
+ Paraná reforça campanha pra arrecadar fundos pra moradores da Vila Torres
+ Volta da Libertadores pode ser adiado por tempo a ser determinado