O analista de desempenho do Atlético, Bruno Baquete, se tornou nesta semana membro da comissão técnica da seleção brasileira para a disputa da Copa do Mundo. O profissional viajou na última terça-feira (5) para a Europa para iniciar sua missão.

Primeiro, Baquete acompanhará amistosos preparativos de seleções para o Mundial. Na sequência se junta à delegação na Rússia e analisará o Grupo F da competição, que conta com Alemanha, Coréia do Sul, México e Suécia, de onde sairá o adversário do Brasil nas oitavas de final.

Dos quatro possíveis rivais da seleção, a Coreia do Sul é a que o analista já conhece melhor o perfil. No ano passado, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), sorteou quais times da Copa 19 clubes brasileiros iriam analisar. O Furacão ficou com a Islândia e também com os coreanos.

A escolha de Bruno Baquete se dá ao conhecimento do seu trabalho por parte do técnico Tite. O analista fez parte da comissão técnica do Corinthians entre 2010 e 2013, quando o treinador trabalhou no clube paulista. Em 2014, o profissional chegou ao Atlético e saiu por dois meses em 2015, quando foi auxiliar-técnico do Vitória em 2015. Em seguida, voltou ao Rubro-Negro. No ano passado, durante as Eliminatórias para a Copa, ele analisou os jogos de Colômbia e Equador.