O atacante Renato Kayzer foi o herói na vitória do Athletico de virada sobre o Fortaleza, por 2 a 1, na Arena da Baixada. Com gol aos 46 minutos do segundo tempo, o camisa 79 fez o Furacão quebrar um jejum de 11 jogos sem vitória (41 dias no total) e aliviou a má fase da equipe.

Emocionado na saída do gramado, Kayzer revelou que os jogadores fizeram um pacto no vestiário e acreditavam na virada. Após um primeiro tempo ruim, na saída para o intervalo, todos os atletas tiveram uma conversa dura ainda no gramado.

+Cristian Toledo: Furacão encerra jejum em vitória dramática

“A gente reuniu lá no intervalo, conversamos, ajeitamos o que tinha que ajeitar. Falamos que a gente tinha potencial para virar o jogo. É isso aí que a torcida pode esperar de mim, muita vontade. Posso não ser o melhor atacante do Brasil, mas mais fome do que eu ninguém vai ter”, declarou o atacante ao canal oficial do clube, Furacão Play.

>> Tabela e classificação do Brasileirão

“Esses fantasmas que estavam em volta de nós nessas partidas que tínhamos perdido tinha deixado a gente para baixo. Mas a gente se reuniu, fizemos um pacto para acreditar até o final e, graças a Deus, todo mundo foi muito guerreiro, e saímos com a vitória hoje”, completou Kayzer.

Com o resultado, o Athletico saiu da vice-lanterna e subiu para a 17ª colocação, agora com 19 pontos – mesma pontuação do Vasco, primeiro fora da ZR. O próximo desafio do Furacão, agora, será contra o Goiás no sábado (14), às 17h, no Estádio da Serrinha.

+ Mais do Furacão:

+Athletico retoma negociação de dívida da Arena e tem proposta de entrada


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?