Athletico e Fomento Paraná voltam a discutir, a partir desta sexta-feira (6), a questão da dívida da Arena da Baixada. As negociações haviam sido interrompidas em março por causa da pandemia do novo coronavírus.

O clube tenta um acordo para pagar os R$ 291 milhões emprestados para a reforma do estádio para a Copa do Mundo de 2014. Atualmente, com encargos, multas e juros, o débito já ultrapassa R$ 600 milhões. No ano passado, o Furacão apelou contra a execução imediata da dívida.

A reportagem apurou que o Athletico já fez uma proposta de entrada, mas ainda discute a retirada de multas e encargos, além de maneiras de parcelamento. O pagamento, no entanto, está diretamente ligado a um acordo com a prefeitura de Curitiba e o governo do Paraná quanto ao acordo tripartite.

+ Relatório reforça que reforma da Arena pra Copa do Mundo não teve sobrepreço

Pagamento tem pontos de vistas diferentes

A diretoria do Furacão defende a tese de que é responsável por apenas um um terço do custo total da obra para a Copa, finalizada por R$ 342.645.053,24 de acordo com a Fundação Getúlio Vargas.

O município, por outro lado, entende que a divisão correta é a do valor que consta no aditivo do convênio: R$ 184,6 milhões. O motivo alegado diz respeito, principalmente, ao fato de o incremento no orçamento não ter seguido todos os trâmites legais. Já o governo estadual, em sua gestão anterior, se posicionou pela divisão igualitária do total da reforma do estádio.

+ Confira a classificação completa do Brasileirão!

Até o fim das eleições, a questão fica em compasso de espera, já que não haverá nova conversa entre Rubro-Negro e município. Enquanto isso, o clube pretende avançar na mediação feita com a Fomento e, de certa forma, também pressionar a prefeitura por um acordo.

Procurado, o advogado que representa o Athletico, Luiz Fernando Pereira, não quis comentar o tema. A Fomento, como de praxe, não discute assuntos judiciais.

+ Mais do Furacão:

+ Há 42 anos, Ziquita entrava pra história do Athletico com empate incrível
+ Thiago Heleno abre o jogo sobre crise no Athletico
+ Falhas da defesa do Athletico ligam alerta de Paulo Autuori


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?