Para quem há uma semana ainda não sabia o que era vencer fora de casa, o Athletico tomou gosto pela coisa e emplacou, diante do Cruzeiro, na noite de sábado (27), no Mineirão, o segundo triunfo seguido como visitante no Campeonato Brasileiro. O resultado de 2×0 foi reflexo da grande partida feita pelo Furacão contra os reservas da Raposa. Deu até para o clube, nas redes sociais, tirar sarro daqueles que falam que o Rubro-Negro só conquista grandes resultados na Arena da Baixada por conta do gramado sintético.

Após a partida, o Athletico postou uma foto dos jogadores comemorando um dos gols sobre o Cruzeiro com a seguinte legenda: “Parece que tem grama sintética no Mineirão também”. No sábado passado, o Furacão já havia goleado o CSA por 4×0, em Maceió, atuando com um time todo reserva.

https://twitter.com/AthleticoPR/status/1155265880282095616

O técnico Tiago Nunes também comemorou a vitória. Independentemente se do outro lado estavam os reserva do adversário, o comandante atleticano ressaltou a importância do resultado e da performance do Furacão que, segundo ele, foi parecida com o que acontece dentro da Arena da Baixada.

+ Sabe quem são os ‘vira-casacas’ da dupla Atletiba?

“É importante reiterar que tivemos a segunda vitória seguida fora de casa. Independentemente da circunstância do adversário, nunca é fácil jogar aqui no Mineirão. Tivemos números expressivos, que são comparáveis aos números que temos em casa, porque viemos com a proposta de buscar os três pontos”, declarou o treinador.

O foco do Rubro-Negro se volta novamente para a disputa da Libertadores. A missão é complicada. Diante do Boca Juniors, nesta quarta-feira (31), às 21h30, na Bombonera, em Buenos Aires, terá que reverter a vantagem do time argentino de 1×0 conquistada na Arena. Nem mesmo isso fez Nunes poupar seus jogadores em Belo Horizonte.

+ Confira a classificação completa do Brasileirão

“Tenho em mente com a comissão técnica que a nossa equipe tem condições de aguentar três jogos seguidos. Vencemos o Flamengo, demos descanso ao time contra o CSA, e penso que agora a equipe tem condição de aguentar. Agora é torcer que tenhamos uma performance parecida contra o Boca, pois é um jogo decisivo”, finalizou.

+ Atenção! Você está a um clique de ficar por dentro do que acontece em Curitiba e Região Metropolitana. Tudo sobre nossa regiãofutebolentretenimento horóscopo, além de blogs exclusivos e os Caçadores de Notícias, com histórias emocionantes e grandes reportagens. Vem com a gente!