ABC e Criciúma empatam em Natal pela Série B

Em uma partida bastante movimentada e com muitas chances de gols, ABC e Criciúma empataram por 1 a 1, na noite deste sábado, no Estádio do Frasqueirão, em Natal, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O resultado não foi bom para nenhum dos dois times, que perderam a chance de se aproximarem ainda mais do G4, o grupo de acesso.

O time do ABC está agora na sexta colocação, com 14 pontos, e deixou o campo bastante vaiado pelos torcedores – o técnico Leandro Campos foi o principal alvo das vaias no Frasqueirão. O Criciúma tem a mesma pontuação, mas aparece em oitavo lugar devido ao saldo de gols. Os dois são os que mais empataram na competição: foram cinco vezes cada.

O jogo começou bastante movimentado, com os dois times criando boas chances, mas quem abriu o placar foi o ABC. Aos 20 minutos, Pio recebeu o passe e bateu sem chances para Andrey. Mesmo em vantagem, a equipe potiguar seguiu no ataque e só parou nas defesas do goleiro adversário. Já o Criciúma quase empatou no chute de Roni que bateu no travessão.

No segundo tempo, o Criciúma voltou melhor e conseguiu empatar logo aos 36 segundos do segundo tempo. Schwenck invadiu a área e bateu cruzado, sem chances para o goleiro Wellington. Após o gol, o ABC caiu muito de rendimento e viu o adversário crescer na partida. Tanto que o time catarinense quase chegou à vitória, mas o chute de Pedro Carmona acertou a trave.

Agora, o ABC entra em campo apenas no próximo domingo, quando enfrenta o Guarani no Estádio Brinco de Ouro, em Campinas. Também pela décima rodada da Série B do Brasileiro, o Criciúma recebe o Goiás na terça-feira, no Estádio Heriberto Hulse.

FICHA TÉCNICA:

ABC 1 x 1 Criciúma

ABC – Wellington; Pio, Tiago Garça, Alessandro Lopes e Kauê; Bileu, Basílio (Makelele), Ricardo Oliveira (Samuel) e Cascata; Elionar Bombinha (Malaquias) e Leandrão. Técnico – Leandro Campos.

Criciúma – Andrey; Fábio Santana, Anderson Conceição, Rogélio e Pirão; Baraka, Henik, Roni (Pedro Carmona) e Aloísio; Bruno Meneghel (Matheus) e Schwenck (Zé Carlos). Técnico – Guto Ferreira.

Gols – Pio, aos 20 minutos do primeiro tempo; Schwenck, aos 36 segundos do segundo tempo

Árbitro – Wagner do Nascimento Magalhães (RJ).

Cartões Amarelos – Baraka, Cascata, Tiago Garça, Anderson Conceição e Andrey.

Renda e público – Não disponíveis.

Local – Estádio Frasqueirão, em Natal.

Voltar ao topo