A Netflix divulgou nesta sexta-feira (31) algumas novidades da parte 5 de La Casa de Papel. A produção da nova temporada se inicia na semana do dia 3 de agosto. Dinamarca, Portugal e Espanha são os locais das filmagens.

Intitulado em “O Assalto Chega ao Fim”. A nova parte terá 10 episódios e deve finalizar o grande assalto da trupe.

LEIA TAMBÉM: Netflix lança filme sobre agência especializada em divulgar fake news de políticos

O criador e produtor executivo Álex Pina comentou: “Passamos quase um ano pensando em como destruir a banda, encurralar o professor e chegar a situações irreversíveis para muitos personagens. O resultado é a quinta temporada de La Casa de Papel. A guerra atinge suas alturas mais extremas e selvagens, mas também é a temporada mais épica e emocionante”.

Miguel Ángel Silvestre e Patrick Criado estão na quinta parte de La Casa de Papel

Miguel Ángel Silvestre, o Lito Rodriguez de Sense 8, e Patrick Criado (A Grande Família Espanhola) estarão na nova temporada. Não há informação quais papéis irão interpretar..

Úrsula Coberó (Tóquio), Álvaro Morte (El Profesor), Itziar Ituño (Lisboa), Pedro Alonso (Berlim), Miguel Herrán (Rio), Jaime Lorente (Denver), Esther Acebo (Monica/Estocolmo), Enrique Arce (Arturo), Darko Peric (Helsinki), Hovik Keuchkerian (Bogotá), Luka Peros (Marsella), Belén Cuesta (Manila), Fernando Cayo (Coronel Tamayo), Rodrigo de la Serna (Palermo), Najwa Nimri (Inspetora Sierra), e José Manuel Poga (Gandía) completam o elenco.

Em janeiro deste ano, um portal de notícias espanhol teria revelado que a série teria mais duas temporadas. Será o fim mesmo? Bom, é esperar pra ver.

Nova temporada ainda não tem data para estrear na Netflix. E todos os episódios das quatro partes se encontram disponíveis no serviço de streaming.


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?