Na semana passada conversamos sobre a primeira atitude que te impede de emagrecer: a procrastinação (falta de ação). Essa semana trago a vocês uma segunda atitude que impede muitas pessoas de eliminarem os quilinhos que tanto desejam.

Primeiro você deve pensar quais eram as ações que te ajudavam a emagrecer e que você não faz mais? É natural que após um determinado período, o foco que deu início ao seu projeto não esteja tão preciso assim. É nesse momento que os exercícios acabam não sendo feitos com tanta frequência e intensidade, ou que os deslizes na dieta sejam mais constantes.

Uma das razões para o não emagrecimento após o início do processo, é a falta de consistência. Iniciar o exercício e parar, iniciar uma alimentação mais saudável e parar. Se isso persistir, os resultados não vão aparecer.

+Dicas! Três motivos que não vão deixar você emagrecer em 2020!

Pode parecer apenas um detalhe, mas essa é uma das atitudes que 78% das pessoas que conseguem emagrecer tomam e que não conseguem sustentar o emagrecimento por mais de 5 anos. Eles tornam a ganhar peso.

O importante é que você mantenha a consistência dos seus treinos e da sua alimentação saudável. Pode parecer difícil no início, mas não será sempre assim. Ao longo do caminho todo o processo se tornará mais fácil, já que sua rotina e seus hábitos irão naturalmente mudar e se adaptar.

Estar comprometido consigo mesmo e com seus objetivos é um dos caminhos do sucesso para o emagrecimento. Reunindo a consistência e as estratégias corretas, o emagrecimento poderá ser leve e inevitável.

+Zanon! Por onde começar a emagrecer?

E lembre-se: não existe formula mágica para o emagrecimento saudável. O importante não é ter pressa dos resultados, mas sim consistência nas suas ações e objetivos. Ao manter seus hábitos consistentes por 1 ou 2 anos você vai perceber que se tornou uma pessoa mais saudável, ativa, com boa autoestima e feliz consigo mesma.

Na próxima semana falaremos sobre a terceira atitude que impede o emagrecimento. Até lá.