enkontra.com
Fechar busca

Segurança

No Juvevê

Juiz manda soltar suspeito de matar vizinho após briga por som alto

O crime ocorreu em um apartamento no bairro Juvevê após uma discussão por causa de barulho

  • Por Redação
Douglas levou três tiros e não resistiu. Foto: Reprodução/Facebook.
Douglas levou três tiros e não resistiu. Foto: Reprodução/Facebook.

Uma decisão do juiz Daniel Surdi de Avelar soltou, nesta terça-feira (5), o empresário Antônio Humia Dorrio, de 49 anos, suspeito de ter matado o engenheiro Douglas Regis Junkes em maio deste ano. O crime ocorreu em um apartamento no bairro Juvevê após uma discussão por som alto.

A soltura do empresário foi condicionada a duas medidas. Antônio está proibido de frequentar o prédio onde ocorreu o crime e não poderá ter contado algum com testemunhas do inquérito. O empresário estava preso no Complexo Médico Penal em Pinhais, na região metropolitana de Curitiba.

O crime

A confusão aconteceu depois que Antônio foi até o apartamento de Douglas supostamente para tirar satisfação a respeito do barulho. Houve uma discussão e Antônio disparou três vezes contra o vizinho, que morreu no local. Na época do crime, o delegado Fábio Machado dos Santos afirmou que Antonio tinha ido duas vezes pedir para que o som fosse diminuído. “Quando foi pela segunda vez, se armou e aconteceu a tragédia”, contou o delegado logo após a prisão de Antônio.

Mais informações em breve!

Discussão por som alto termina em assassinato em Curitiba

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

63 Comentários em "Juiz manda soltar suspeito de matar vizinho após briga por som alto"


PEDRO Girardi
PEDRO Girardi
12 dias 3 horas atrás

Não defendo a violencia, mas tem cada vagal, que poe o som nas alturas.quese ouve a mais de 5 quadras, dai não tem sangue de barata que aguente né

Predador
Predador
12 dias 6 horas atrás

Penso, que essa bagaça só irá acabar qdo acontecer algo semelhante com alguem do judiciario etc….A lei é dos ricos é uma e a do pobre é outra.
E concordo com o FMZ abaixo…

Fmz
Fmz
12 dias 6 horas atrás

ESSA É PRA VC CRIATURA SEM CÉREBRO, QUE APOIA O ABSURDO DO PORTE DE ARMAS. TEU VIZINHO “CIDADÃO DE BEM” VAI TE MATAR POR MOTIVO TORPE E SUA FAMÍLIA “ARMADA” VAI PROCURAR VINGANÇA E O CICLO CONTINUA

Edi Rubro Negro
Edi Rubro Negro
12 dias 5 horas atrás

A compra e porte de arma sempre foi liberada legalmente, apenas é burocrática e cara. Este caso em questão, ele tinha a posse. Mas este não é o ponto, independente das armas, esses caras iriam se matar de qualquer jeito, raros sabem lidar com conflito, no qual sempre a melhor saída é o bom senso.

robin
robin
12 dias 17 horas atrás

Como vizinhos a regra é PACIÊNCIA. Eu tenho uma vizinha que passa com o cachorro encima da minha grama e plantas na frente da grade. Penso em reclamar e acabar me irritando com a criatura ou comprar outra planta que custa 20 reais. O custo da segunda opção é bem melhor…

Fmz
Fmz
12 dias 6 horas atrás

MTO BOM ROBIN! MAS NÃO É FÁCIL MESMO.

República do Paraná
República do Paraná
12 dias 19 horas atrás

O problema é que tem muitos moradores que desrespeitam as normas internas nos condomínios, como as regras quanto à emissão de ruídos/sons em horário matutino e vespertino, bem como de silêncio no horário noturno. Diante disso, cria-se um ambiente hostil.

1 2 3 7
wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas