Três suspeitos de envolvimento em uma quadrilha que roubava carros sob encomenda, principalmente no Bacacheri, Ahu e Cabral foram detidos nesta semana pela Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV). Os veículos eram deixados no estacionamento de um condomínio em Quatro Barras por um tempo e, posteriormente, desmanchados ou repassados para receptadores.

Segundo o delegado da DFRV, Cassiano Aufiero, a quadrilha, investigada há algumas semanas, agia com violência. Foram detidos Antônio Cléber Batista Cantarin, 35 anos, Irisandro Schneckemberg, 36, e Lucas Henrique da Silva, 22. Na tarde de ontem, Antônio já tinha sido liberado após o pagamento de fiança.

Conforme a polícia, com eles foram recuperados um Ford Focus, um Honda Civic e um Peugeot Feline 307, roubados recentemente. “É apenas uma parte da quadrilha. Há outros a serem identificados”, comentou Cassiano.

Placas

O delegado acredita que o grupo também desmanchava os veículos tomados em assalto, que eram encomendados. “No veículo particular do Irisandro encontramos, além de alicates, arames típicos de emplacamento de veículos. A quadrilha saía às ruas com o veículo em mente e já tinha no porta-malas placa similar do carro que seria roubado. Eram muito organizados”, explicou Cassiano.

De acordo com o delegado, Lucas foi reconhecido por uma das vítimas de roubo como o assaltante. Em entrevista à imprensa, o suspeito defendeu Irisandro, dizendo que ele não teria nada a ver com os roubos. Os dois davam risada, como se não estivessem preocupados com a prisão. Irisandro disse que é dono de um lava-car e que Lucas era funcionário dele.

Um dos marginais chegou a pagar fiança e acabou solto na segunda. Foto: Ciciro Back.