Fábio Alexandre
Josnei e André foram abordados primeiro.

Há famílias que permanecem juntas tanto na alegria quanto na tristeza. Foi o que aconteceu com Mariana de Oliveira da Cruz, 46 anos, e seus filhos, André, 23, e Alan, 25, presos em flagrante, na noite de sábado, no São Brás, traficando drogas. O trio, junto com Josnei da Silva, 29, amigo dos rapazes, estavam com cerca de cerca de mil pedras de crack, 22 buchas de cocaína, uma balança de precisão e R$ 360,00 em dinheiro.

As prisões começaram pouco antes das 23h. André e Josnei andavam de moto pela Rua Ettore Zanlorenzo, próximo à Universidade Tuiuti, quando cruzaram com policiais militares do 12.º Batalhão e levantaram suspeitas. Os policiais decidiram abordá-los e, na revista, encontraram sete pedras de crack com a dupla. Os dois não ofereceram resistência em dizer onde haviam conseguido a droga. André acabou entregando o endereço da própria mãe.

Os policiais chegaram até a casa de Mariana, na Rua José Vala, também no São Brás, onde encontraram mais drogas. Lá estavam 500 pedras de crack, as buchas de cocaína e mais dois grandes pedaços de crack, pesando 85 gramas, e que poderiam render, segundo a PM, outras 500 pedras menores da droga, com 0,17 grama cada. Todos foram levados ao 8.º DP (Portão) e indiciados por tráfico de drogas.