Marco Pólo Marcondes Santana deve se apresentar hoje na delegacia de São José dos Pinhais. Ele é apontado como autor do triplo homicídio, ocorrido na noite de domingo, na Rua Professor Camilo de Lima, Borda do Campo.

As vítimas são Bruna Aline da Luz Ferreira, 27 anos, João Celino Pereira, 38, e Welington Luiz de Assis Flores, 24, e não Welington Lima, como divulgado. Giovana, esposa de Marco Pólo, disse ao chefe de investigação José Carlos Colaço que o marido lhe garantiu, por telefone, que irá comparecer hoje na delegacia, para explicar porque matou o trio.

Ela contou que Marco e Welington foram amigos, quando todos moravam em Piraquara. Mas a amizade enfraqueceu, porque Welington teria furtado uma bicicleta de seu marido.

Versões

Na noite de domingo, segundo Giovana, os três chegaram à residência do casal. Welington desceu de seu carro e chamou Marco Pólo para tomarem cerveja. Giovana não permitiu a entrada do trio e Marco Pólo mandou todos embora. Isso teria gerado discussão e os tiros dados nas três vítimas.

Por outro lado, Jair Mendes, pai de Welington, diz que a culpada por tudo isto é Giovana. Na versão dele, a mulher procurou seu filho, o que gerou a discussão entre os dois amigos.

Por causa disto, Marco Pólo se mudou de Piraquara e foi com a esposa para São José dos Pinhais. No entanto, não soube dizer o que Welington foi fazer na casa de Marco Pólo. A polícia acredita que o rapaz foi até lá provocar o ex-amigo.