O relacionamento que já não ia bem há algumas semanas terminou em morte, na noite de domingo (25). Rosnei Antunes de Oliveira, 43 anos, matou a própria esposa, Rosane Martins, 44, com uma facada próximo ao pescoço. O crime aconteceu por volta das 21h30, na residência do casal, na Rua Ari José Sperotto, Vila Verde, na Cidade Industrial.

A nora da vítima contou ao sargento Gilson, do 13.º Batalhão da Polícia Militar, que o casamento de Rosane e Rosnei já não ia bem. Há semanas a dupla vinha discutindo, por motivos que a jovem não relatou à polícia.

No domingo, no final da comemoração de Natal, Rosnei já havia bebido bastante quando começou a discutir com a mulher. Ele pegou uma faca na cozinha e cravou na esposa, entre o ombro e o pescoço. Rosane morreu em poucos minutos, antes da chegada do Siate.

Rosnei fugiu levando a faca e foi procurado pela polícia, mas não foi encontrado. Mesmo assim, familiares do casal acreditam que ele não foi longe da vila, pois recém tinha feito uma cirurgia e estava com a mobilidade prejudicada. Rosane e Rosnei tem um filho de 18 anos.