Anderson nega ter atirado.

Vítima de um atentado, Elizeu Maurício de França levou dois tiros no peito nas proximidades de sua casa, na Vila Iná, São José dos Pinhais, às 5h30 de segunda-feira. Mesmo baleado, ele conseguiu correr até a residência onde encontrou a irmã. Para ela, Elizeu disse que, quem havia atirado nele, era um homem conhecido por Isac.

O caso chegou ao conhecimento da delegacia local que conseguiu prender o suspeito na tarde de ontem. Trata-se de Anderson Isac Ferreira, 18 anos. De acordo com o superintendente Altair Ferreira, o detido foi autuado em flagrante por lesão corporal grave. A situação dele pode piorar se a vítima não resistir aos ferimentos. Elizeu está internado no Hospital do Trabalhador.

Anderson havia saído do “xadrez” da delegacia de São José dos Pinhais, onde estava preso por receptação, há cinco dias. Ele nega que tenha participado do atentado, mas afirma que devido à compra de um videokê, provavelmente roubado, começou a ter problemas com Elizeu.