Reprodução
Diego foi pego no litoral.

O principal suspeito de ter participado da morte do soldado da Polícia Militar Acir Marcelo Natal, 35 anos, ocorrida em 24 de janeiro, durante um assalto, está preso na delegacia de Pontal do Paraná e deve ser transferido para a Delegacia de Homicídios esta semana. Diego Dias de Paula, 19 anos, foi preso em 3 de fevereiro, acusado de receptação, e já tinha contra si, um mandado de prisão por outros crimes cometidos em Curitiba e região metropolitana.

Segundo o investigador Vanderley, de Pontal do Sul, Diego, quando foi preso, estava com o celular do policial. ?Ele é um rapaz frio e não pareceu muito preocupado por estar preso?, comentou.

O superintendente da DH, Dilso Morgerot, disse que Diego está envolvido em outros crimes e possivelmente outras vítimas devem reconhecê-lo. ?Ele deve ser transferido, no máximo, até quinta-feira será ouvido?, disse. O telefone da delegacia é 3262-2641.

Em março de 2007 Diego foi preso e assumiu a participação na morte de Carlos Maurício Pereira, 15 anos, no Guaraituba, em Colombo, com dois tiros. Segundo ele, o garoto o teria agredido.