Dois radialistas foram detidos ontem, em Guarapuava, por extorsão. Entre as vítimas, está o prefeito de Nova Laranjeiras, naquela região. Eles foram investigados pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público (MP).

O MP foi procurado pelo prefeito e por outras pessoas, que afirmavam ter sido alvo de chantagem por parte dos jornalistas Cesar Minotto e Denis Migliorini, responsáveis por programas de rádio em uma emissora comunitária de Nova Laranjeiras.

Achaque

Conforme apurado pelo Gaeco, os radialistas levantavam informações supostamente desabonadoras a respeito das vítimas e passavam a fazer insinuações durante os programas de rádio.

Depois, entravam em contato com essas pessoas e exigiam dinheiro para suspender as “matérias”. Os dois foram presos em flagrante, no momento em que receberiam parte do pagamento por um achaque. A 2.ª Subdivisão Policial de Laranjeiras do Sul, sob comando do delegado Bradock, deu apoio à operação.