Transtornado por não conseguir se rematricular no Colégio Estadual Nossa Senhora Aparecida, no Pinheirinho, onde foi reprovado no ano passado, um adolescente, de 16 anos, incendiou o carro da diretora. O ato de vandalismo aconteceu na manhã de ontem, e pouco tempo depois, o garoto, que já tinha passagem por porte de drogas, foi levado à Delegacia do Adolescente. Segundo a diretora Olinda Guimarães de Paiva, por volta das 10h, o ex-aluno foi até a secretaria e foi avisado que deveria ter feito a matrícula durante o período adequado. O garoto saiu, comprou gasolina e voltou para pôr fogo no carro.